Supernatural 4×21 – When the Levee Breaks

spn421_0865

MUITOS SPOILERS! Em leia mais, se quiserem.
A temporada acaba semana que vem… será que eu sobrevivo até lá??? =O

Ah, antes das impressões do ep, estou lendo agora Supernatural – The Bone Key, que se passa depois de A Very Supernatural Christmas (3×12, se não me engano). Não sei se consigo continuar lendo depois desse episódio =/ Não sei o que esperar.

Eu não sei nem como começar.Adiei o máximo que pude para ver o ep. dessa semana porque eu sabia que seria assim. Tá, eu só aguentei até domingo, mas e daí?

Eu não acredito. Eu soltei piadinhas o episódio todo porque eu não aguentei. Sempre assisto com a minha irmã caçula ao lado e chamo ela de meu “Sammy”. A gente terminou o episódio tremendo, sério mesmo, quase chorando.

Mas vamos começar do começo:

1) A Rehab do Sammy: Caramba. Todas as alucinações do Sam foram pesadissimas, mas acho que a pior foi a do Dean. “You mean nothing to me.” A própria cabeça do Sam tratou de desligá-lo do irmão. Foi o sangue de demônio que o fez imaginar o próprio irmão dizendo isso ou isso foi fruto das imagens erradas que o Sam vem construindo do Dean desde pequeno como o “maioral” e “o favorito do papai” que se concretizaram em um momento de crise? Como ele pode SONHAR com o Dean, que vendeu a própria Alma, que estava disposto a deixar de existir para dar a vida a ele? O Dean, que sempre cuidou dele nunca diria “you mean nothing to me.” Ao mesmo tempo, Dean confessa para o Bobby que o sam “is not one of the monsters” e que prefere que ele morra humano do que como um monstro. O Dean não quer que o Sammy morra, mas na cabeça dele é pior que ele se torne um demônio. Ele se importa e muito com o irmão, assim como o Sam se importa com o que o Dean acha.

2) Castiel: Eu cheguei a cogitar que o Castiel que “caiu do céu” no ep. 20 não fosse mesmo o castiel e sim outro anjo se passando por ele, mas a culpa que ele sente quando faz as coisas que julga erradas (mas que são ordens “divinas”) meio que me tirou essa dúvida. O Misha é um ator e tanto para conseguir passar isso.  Agora, por que os céus queriam ver Sam livre? O Dean já não tinha feito o acordo e tudo o mais?

Isso me cheira a mais traidores ou ainda que o céu realmente quer que o Apocalipse aconteça para dar uma “limpada” na terra. Isso é bem plausível, está “escrito”. Na maioria dos livros/filmes/etc apocalipticos que leio tanto o céu quanto o inferno querem o Apocalipse, sendo a luta para ver quem consegue “arrebanhar” mais seguidores (punir ou salvar almas). Pode ser isso ou pode ser que   os anjos queiram que o Sam tente também matar a Lilith, por não confiarem no Dean. Já pensaram nisso? E com a relação Sam/Dean abalada, o Dean não passa de uma marionete nas mãos dele e o Sammy uma marionete nas mãos da Ruby.

3) Ruby: Eu não sei mais o que pensar dela. Juro. Sempre achei que ela talvez fosse uma traidora, mas ela tem uma cara de songa-monga tão boa que dá até para acreditar nela. A verdade é, ou ela está manipulando o Sam porque está do lado da Lilith ou ela está sendo manipulada por alguém para manipular o Sam como ela quer. Porque só o Sam não vê que “três semanas caçando a Lilith” é francês para “ela está te manipulando” (citando o Dean). Ela pode ser boa, pode ser má, mas é fato inegável que ela sumiu 3 semanas para deixar o Sam doidinho.  A minha teoria é que a Ruby não é flor que se cheire nem tem a melhor das intenções e que está de complô com a Lili ;D

4) Anna: Alguém reparou que ela tá parecendo uma louca desde o ep. Passado? Aí ela vai perguntar o que o Cas está fazendo e é pega… Isso pode ser duas coisas: burrice ou esperteza. Burrice se ela foi ver o Cas depois dele ter sido enrabado pelo céu (xD) para perguntar sobre as suas ações sem antes verificar se ele estava só ou não. Esperteza se ela foi com o objetivo de ser pega para fazer um plano maior.

5) The Levee Breaks… – Como as pessoas conseguem falar coisas tão terríveis uma para a outra? Desde o episódio da Siren a relação dos dois estava numa corda bamba e depois desse episódio as coisas nunca voltarão a ser como eram. Eles realmente caíram na porrada e eu vi o Sam matando o Dean. E o Dean sem reagir, porque ele não agüenta mais isso. Imagina o pirralho que você criou a vida inteira te matando? Se fosse comigo eu não moveria um dedo para parar. Quer matar? Mata então.

E o Sam para, porque ele não quer provar para o Dean que é um monstro (ao meu ver). E vai embora, apesar do irmão dizer  ‘You walk out that door, don’t you ever come back!’. Ele prefere a Ruby e a sua vingança à ficar com o irmão. Ele prefere se tornar um monstro completo à se unir com o irmão para parar tudo. O que aconteceu com o Sam?
Desde o início da temporada o Sam vem ficando obcecado com a sua vingança. Quando o Dean estava no inferno, fazia sentido. Ele queria se vingar de quem tinha aceito o pacto que tinha mandado o irmão para o inferno, queria arrumar uma desculpa para continuar vivendo sabendo que o irmão havia dado a vida por ele. Mas no momento em que o Dean voltou do inferno, isso não fazia mais sentido. Aí veio o apocalipse. Tudo bem querer matar a Lilith para parar o apocalipse, mas ele se tornou obcecado, como um veterano de guerra paranóico que acha que precisa matar todos os seus inimigos. Quais são os verdadeiros motivos de Sam? Ele mente para si mesmo dizendo que é “justiça”, mas justiça pelo quê? Pelas pessoas que Lilith morreu ou por causa de alguma coisa mais egoísta? Medo de que o Dean não consiga parar tudo sozinho?
Alguém devia avisar para ele que SOZINHO nem ele consegue. Faltou alguém, o Bobby, a Anna, sei lá, alguém dizer para os dois que JUNTOS eles são mais fortes. Podia achar o Dean fraco como fosse, mas daí a pensar que um é melhor do que dois? O Sam se tornou um herói na sua cabeça. Só ele poderia salvar Dean e o mundo e por isso tem que se sacrificar por tudo isso. Mas acabou esquecendo do que é importante. A cena dele atacando o Bobby foi uma das mais terríveis para mim. Ele estava acabado, no fundo do poço. Foi o cúmulo para mim. Ele sabia que o Bobby não faria nada e ainda assim foge, deixando-o desacordado do lado de fora da casa.  Por que, Sam?

Espero muito o próximo episódio e fico triste em pensar quais rumos a série pode estar tomando… não triste por “ah, vai ser ruim” e sim por ser uma evolução óbvia do início. Eu acho que quem acha que a 4ª temporada desvirtuou a série não assistiu a mesma série que eu. Desde o início Supernatural vem apontando para isso. Não existem finais felizes e é com isso em mente que eu fico triste. Seria tão bom que a última temporada (a próxima, quem sabe) teminasse com o mundo salvo, Dean e Sam morando em casinhas com cercas brancas, com labradores e três filhos cada contando histórias de terror para as crianças dormirem…
Alguém acha que isso vai acontecer? Eu mesma não. Os Winchesters são “amaldiçoados”, como a Mary-alucinação disse. (Aliás, feliz dia das mães XD)

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em guia de resenhas., Seriados

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s