Arquivo do mês: dezembro 2009

Robin Hood (ou o Gladiador 2, como você preferir)

 Todos nós conhecemos a história de Robin Hood (ou o Príncipe dos Ladrões ou Robin dos Bosques, seja lá como for). Seja pelo filmes de 1991 ou pelo filme da Disney, ou ainda por livrinhos, o personagem povoa a nossa imaginação desde pequenos como um ser ÉPICO que rouba dos ricos para dar aos pobres. Imaginem então a minha surpresa quando eu descubro que ano que vem teremos mais um filme retratando tal personagem adorado?

E imaginem a surpresa quando eu vi os nomes “Ridley Scott” e “Russell Crowe”? E a maior surpresa quando vi “Cate Blanchett” e “Matthew MacFadyen” ao ver o resto do elenco?

Assumo que deveria estar em outro mundo para só saber desse filme agora, 5 meses antes de seu lançamento. Mas de qualquer forma, eu vi o trailer e a impressão que eu tive, apesar de tudo, foi… “Oh meu Deus, fizeram Gladiador 2 na Inglaterra!” Essa reação era de se esperar, uma vez que é o MESMO diretor e o MESMO ator principal numa jornada épica em busca de vingança/reparação. Espero muito que não seja mais do mesmo, porque deposito muita fé.

Enfim, se os nomes que eu citei não significam nada para você, leitor, vamos relembrar a sua memória… é impossível não conhecer nenhum dos 4 que eu citei (isso é, se você não é um alienígena).

Ridley Scott:  Dirigiu Rede de Mentiras (com o Russell Crowe e o Leonardo di Caprio), Cruzadas, Hannibal, O Gladiador, 1942: A conquista do paraíso, Thelma& Louise e Blade Runner, só para citar alguns dos filmes mais famosos. Estranhamente, nunca ganhou um oscar…

Russell Crowe: Já viu o Gladiador? Já, né? Então, ele é o Maximus. (trocadilho não-intencional)

Cate Blanchett: É talvez minha atriz favorita. Da Rainha Elizabeth ao Bob Dylan, ela já foi tudo. ;D

Matthew Macfadyen: Esse é o mais novo da lista e provavelmente só quem viu Orgulho e Preconceito de 2005 vai lembrar dele rápido. Sim, ele é o Mr. Darcy! Além de Orgulho e Preconceito, ele já fez vários papéis na televisão e em séries (mas nenhum que eu já tenha visto). No Robin Hood, ele será o malvado Xerife de Nottingham e ele tem uma cara de mal muito boa.

E, por fim, o bendito trailer:

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em Atores, Filme, Novidades, Robin Hood

5 Luxos e Um Lixo – A Aurora.

Olááá. Aqui é a cherry_b (Para quem acha isso um nome muito gay, é uma abreviação de Cherry Bomb, minha segunda música favorita do Runaways), ou se preferir Bia.
Se vocês são honrados, já leram a Apresentação, que foi a Bárbara escreveu. Pois bem, não vou escrever outra porque tô com preguiça e vou embora daqui a pouco. :B

Então resolvi inaugurar a seção mais legal de todas: 5 Luxos e 1 Lixo! \o/
Eu AMAVA quando a Superinteressante tinha essa seção, e um monte de gente faz ela hoje em dia pelos blogs da vida.
E o primeiro tema é Séries Infanto-Juvenis, ou Young Adult, se você é uma pessoa chique.

Luxos:

– Harry Potter de J.K Rowling:
Ok, essa é incrivelmente óbvia. Todo mundo fala “HP isso, HP aquilo…”
E estão CERTOS.
A J.K Rowling conseguiu criar um clássico moderno, um universo minuciosamente trabalhado, com a história mais velha de todas: Um garoto, um mundo novo e uma profecia.
Não é o máximo?


– Percy Jackson E Os Olimpianos de Rick Riordan
Tá bom, a série do Rick Riordan ocupa um lugar beeem fundo no meu coração. Mas fala sério, MITOLOGIA GREGA. Sem falar no protagonista super-legal nem um pouco chatinho (Ele não vive falando do bem maior ou segue o seu jeito ninja) e no ritmo ação-ação-ação. Rick Riordan cria intrigantes mistérios, personagens irresistíveis e a profecia, que pode ser cumprida não só pelo Percy, mas como pela sua amiga Thalia (Tsc, tsc, filha de Zeus) e pelo Nico Di Angelo, seu amigo filho de Hades. Eu podia dar uns spoilers perspicazes, mas vocês vão ter que ler o livro pra descobrir! Mwhauhauha!
Fica a dica: Se você é desinformado e não viu o trailer, vai lançar o filme em fevereiro!


– Artemis Fowl de Eoin Colfer
Um menino gênio, planos mirabolantes. Não, não é Jimmy Neutron.
O diferencial são as fadas, que após os humanos (Ou os
homens-da-lama, como gostam de nos chamar) povoarem o mundo como uma praga, se escondem debaixo da Terra. Isso mesmo, como uma enorme garagem hi-tech. E o Artemis é o único humano que conhece a civilização mágica. Isso o mete em várias aventuras, envolvendo sequestros por parte do protagonista, roubos, paradoxos temporais e etc.
– Os Karas, de Pedro Bandeira
Este é um clássico que marcou muita gente, mas, infelizmente está meio que caindo no esquecimento. Siiiim, isso é muito triste, mas na minha sala posso contar nos dedos o número de pessoas que já OUVIRAM FALAR. Para quem é fanfarrão é nunca ouviu falar, vou resumir dessa forma: Uma sociedade secreta, estudandes sagazes, mistérios incomuns. Precisa de mais?

– Desventuras Em Série, d
e Daniel Handler, oops, Lemony Snicket.
Adoro! Podem falar que é maçante, que a narrativa enche o saco, que a droga dos mistérios nunca acabam, mas meus deuses, essa é a graça! As referências clássicas, que vão do Lord Byron, do Baudelaire e do Edgar Allan Poe e mais um bando de caras assim, as expressões latinas, os mistérios de C.S.C. Só sei que aprendi um monte de coisas de um jeito divertido, coisas que nunca aprenderia lendo um livro como Gossip Girl, por exemplo.


Lixo:

– Crônicas de Nárnia – A Última Batalha de C.S Lewis
COMASSIM?! É, caro leitor, Crônicas De Nárnia foi incluído em lixo.

Justiça seja feita, os primeiros seis livros são muito legais, mas aí vem o final e destrói tudo. MASTER SPOILER: Todo mundo morre num acidente de trem, menos a Suzannah, que foi considerada indigna de entrar em Nárnia, que na verdade é o Reino Dos Céus, e Aslam é Deus, e no final tudo foi uma grande pregação religiosa para crianças.
Desculpa, mas eu acho que depois de SETE LIVROS, SETE LIVROS, eu mereço mais profundo que um mero sermão religioso. Para isso eu vou na Igreja ouvir o padre falar. Se quer incluir valores cristãos em sua obra, seja pelo menos sutil, que nem o Tolkien fez na saga Senhor Dos Anéis.

Eu sei, essa primeira edição do 5 Luxos e 1 Lixo ficou um tanto óbvia, mas dêem uma folga, é a primeira! Em breve teremos posts mais específicos e mais interessantes. É só nos acompanhar! \o/

2 Comentários

Arquivado em 5 luxos e 1 lixo

Começa uma nova jornada…

Com esse blog. A iniciativa épica (caham) partiu de mim e de minha irmã. Apesar dos anos que nos separam, temos gostos semelhantes em várias coisas e a mesma filosofia de vida…

“Quanto mais épico, melhor.”

Apesar disso, somos fanfarronas e não conseguimos ficar sérias por muito tempo, então no final, esse blog vai acabar sendo Nem um pouco Épico. Mas é assim que as coisas funcionam, não é mesmo?
Não esperem que nos atemos à alcunha “épica” o tempo inteiro. Sim, teremos coisas relacionadas a sagas como Senhor dos Anéis & Cia, mas não só isso. Tudo que nos interessa é de certa forma “épico”…

Bom, de qualquer forma, isso é só o começo. Fiquem com um poster de Robin Hood!

2 Comentários

Arquivado em Épico, Blog, Robin Hood

Protegido: Eu era um lobisomem juvenil (parte 2) – Ou o diário de uma “indie kid”

Este conteúdo está protegido por senha. Para vê-lo, digite sua senha abaixo:

Digite sua senha para ver os comentários.

Arquivado em Juízo