Arquivo da categoria: Férias

Limpando a casa e outras coisitas mas.

000dqpwcOk, voltei. Como sempre, né? Eu sumo, volto, sumo, volto… é uma coisa louca. Como fiquei muito tempo fora, tem muita coisa para se falar então a previsão é que eu poste pelo menos a cada dois dias essa semana. IEI! \o
Vou começar com os selinhos que ganhei. O lance é que eu perdi o selinho que a Vinha me mandou, só achei o da Dandra. O que eu faço?? Vinha, me mande novamente, por favor?

Então vamos lá, o selo que a Dandra me mandou:

selo 1 brilho

1º Divulgar o link do blog que te presenteou com o selinho:

http://thesmallisland.blogspot.com

2º Responder a pergunta: Qual leitura marcou mais a sua vida?

Realmente essa pergunta é difícil para alguém que lê tanto quanto eu. A cada época tem algo que marca. Harry Potter certamente marcou muito, todos os livros, porque eu cresci com eles. Foram eles que me deram vontade de ler e se hoje eu gosto tanto de livros, devo agradecer à J.K. Rowling. Mas acho que a que mais marcou, que eu me lembre, foram as Crônicas de Arthur. Antes de lê-las, eu já havia lido as Brumas e gostado, principalmente pela reflexão que eu fiz em cima de alguns pontos que a autora considera. Mas as Crônicas superam tudo, é tipo a história definitiva do rei Arthur. Tanto que provavelmente é a série que eu mais li. O que mais me marcou foi o modo como os personagens foram desenvolvidos, a forma como a história ocorre e a narração feita pelo Derfel. Não é um livro com grandes lições morais, mas a história é simplesmente… de tirar o fôlego!
Agora vamos ao campo que interessa: a ficção científica. O primeiro livro que eu li foi O Caçador de Andróides e aquilo meio que ficou na minha cabeça. Mas o que mais me marcou até agora foi Admirável mundo Novo. Desse sim eu posso tirar lições diversas de até onde podemos chegar se não nos cuidarmos. LEIAM! =O


3º Indicar 6 blogues que compartilham leituras de qualidade:

Esse tá difícil porque fiquei sem acompanhar blogs =/ Da próxima eu coloco!

Agora à segunda parte.

O que vocês podem esperar dos próximos posts?
1) MUSE! Sim, eles liberaram duas músicas e eu pretendo, assim que terminar de ler 1984, comentar sobre elas e sobre o que esperar do novo álbum.

2) Percy Jackson e os Olimpianos. Eu terminei de ler os dois livros e, tipo, KICKASS! Eu adorei, mal posso esperar pelo próximo (o porque de eu não ler em inglês vocês saberão no post! BAUHAUAH!) e o que vão fazer com ele no filme merece umas palavras de indignação, embora eu seja mente aberta com adaptações em geral.

3) Lista de livros futuros e porque os comprei/quero lê-los=D

4) O inferno chamado sair do fluxo (também conhecido como ficar no limbo)

para isso e muito mais, fiquem ligadões! ^-^

E me sigam no twitter (@mecutuca)

2 Comentários

Arquivado em Férias, Random

England – Muse – Breaking Dawn: Minhas Férias

Minhas férias que não foram férias se resumem no título: Inglaterra, Muse e Breaking Dawn.

Primeiro, a Inglaterra, porque eu passei um mês lá. Os outros dois são na minha semaninha de férias no Brasil.
A Inglaterra é verde. A Inglaterra é chuvosa. A Inglaterra é linda. Foi empolgante visitar um castelo (o de Warwick) de verdade, subir nas torres, descer nas masmorras, visitar as cozinhas, sentar no jardim e almoçar enquanto os pavões esperavam comida e assistir pessoas usando falcões – SIM! Falcões – para mostrar como eles caçavam. Os falcões parecem ser coisinhas pequenininhas na mão, mas quando eles abrem as asas, você fica até com medo! O falcão voou em cima da minha cabeça e eu achei que ia morrer @___@
Aliás, uma das coisas que eu mais gostei na Inglaterra foi observar os pássaros. Sabe o que é acordar de manhã com CORVOS fazendo barulho? Meio macabro, né? Comparado a Brasília, em que você acorda com os passarinhos e Bem-te-vis, é macabro mesmo.
Fui para a cidade onde o Shakespeare nasceu e a casa dele é minuscula, mas o jardim é lindo! Os jardins da Inglaterra são todos lindos, na verdade. É impressionante. Eu roubava um raminho de lavanda todo dia enquanto caminhava para voltar para a casa onde fiquei XD
Fui para Stonehenge, Londres e Bath. Bath foi emocionante porque eu, como uma leitora assídua de Bernard Cornwell, pude imaginar o Rei Artur e toda a ação que se passou em Bath, quando ainda era Aquae Sulis! A base do templo da Deusa continua lá, as piscinas ainda são originais e as fontes térmicas são quentes pra caramba! Só aumentou meu amor pelos romanos, porque fazer tudo aquilo naquela época e durar até hoje?
Eles tinham sistemas impressionantes de engenharia! Sério, eles pensavam em tudo!

Mas tá, eu deveria ter postado mais durante a viagem, mas eu mal tive tempo. Então vocês só vão ter isso aí de cima. XD
No dia em que eu cheguei, o MUSE ia fazer um show aqui em Brasília e, é claro, eu fui. Foi o melhor show da minha vida! Vocês devem me achar maluca porque eu fiz uma viagem de 13 horas e ainda cheguei aqui e fui pra um show, mas eu tive duas horas pra dormir entre um evento e o outro! Tava inteirinha no show, sem estar cansada. Só fui ficar cansada mesmo no domingo. Eu fiquei aproximadamente 52 horas inteira dormindo só 8 horas dentro das 52. Sou uma heroina! E tenho consciência de que é mais por causa dos meus 18 aninhos do que por habilidade sobrenaturais XD.
Bem, o show foi fantástico!

E Breaking Dawn é foda! O último livro da série Crepúsculo, apesar de causar opniões divergentes, foi muito bom! Achei que a mulher lá fechou com chave de ouro. Não vou falar mais porque não quero dar spoilers =X

Aulas segunda >-<
NOOO!

Deixe um comentário

Arquivado em Férias

I’m alive!

I’m dead
I’m the stranger
Killing an arab.

XD

Deixe um comentário

Arquivado em Férias

Hello? Is there anybody hearing me?

Hallo, número quase negativo de leitores!
A quanto tempo não apareço, certo? É que o fim de ano chegou, chegou o PAS (Tipo de Vestibular Seriado) e o tempo diminuiu inversamente.
Me desculpem muiiito, muito! Não uqe importe, porque eu acho uqe poucas pessoas leem aqui, né?
Eu estou traduzindo para o Mangas Space agora, já terminei de traduzir Family Complex, da Mikiyo Tsuda, uma One Shot (Tropical ni Koiiro) e estou trabalhando em alguns projetos.
Vou dedicar meu post a falar deles, um por um. Né? Haja paciencia, vamos lá!
Family Complex e Kakumei no Hi, de Mikiyo Tsuda
Acho que os dois merecem ser comentados juntos. Já terminei o primeiro e estou trabalhando no segundo. Ambos são da mesma autora e as duas histórias se encontram em Princess Princess, que é lançado pela Panini Comics atualmente. O primeiro fala do fofíssimo Sakamoto Akira e sua família, cheia de complexos. Todos eles são belíssimos (e apesar do Akira não achar que é, ele também é lindo) e sofreram em algum momento por algum motivo, mas acabam superando com o apoio familiar. Não é clichêzão, tem piadas hiláárias e várias referências a Yaoi e Yuri, embora sejam apenas isso: referências.
Já Kakumei no Hi é a história de Kei, um garoto que descobre que na verdade é uma garota e decide mudar toda a vida dele. O nome, em português, seria “O Dia da Revolução” e que revolução! De menino para menina, de delinquente para “ajeitadinha”, de revoltado com os pais para ‘queridinha’… Kakumei no Hi também tem o mesmo humor que FamiCom e PriPri e é um trabalho maravilhoso. Em Kakumei no Hi, aparece o Mikoto, uma das princesas de Princess Princess. Dizer mais já é spoiler. XD
Zenbu Hajimete!, de Mitsuki Kako
É sobre um relacionamento Professor-Aluna, mas não é nada explícito e chega a ser bobinho. A menina principal é transferida para a escola onde seu amigo de infância dá aula – ele é uns 6 anos mais velho que ela. Ela então descobre sentimentos escondidos por ela e é correspondida… Mas eles são professor e aluna! Como então lidar com isso? E por que ele parece a tratar sempre como se ela fosse bebezinho??
Zenbu Hajimete é extremamente fofo e eu fiquei impressionada, porque achava que mangás sobre relacionamento professor-aluna seriam todos meio lolita e pedófilos, mas Zenbu é tãão bonitinho *o*
Beauty is the Beast, de Tomo Matsumoto
É a história de Eimi, que se muda para o Alojamento da Escola onde ela mora por problemas pessoas. Mas quando chega lá, descobre que toda novata tem um teste de coragem ou é expulsa do alojamento! Sem saber o que fazer, pede ajuda para sua companheira de quarto, que é maníaca por uma compania de dança japonesa e tem uma decoração meio maluca. A companheira então aceita, porque Eimi aceitou de cara a decoração dela. Então, Eimi parte em busca de seu teste: Entrar no Alojamento Masculino e pegar duas plaquinhas. Só que as plaquinhas são de Wanibuchi e Eimi, o mais temido e um dos mais bonitos da escola! E ainda mais, ela quase é pega! E agora, Eimi?
Beauty is the Beast é muiiito bom, hilário e já foi lançado nos EUA. Espero sinceramente que venha para cá, acredito que faria sucesso. A história corre num fluxo bom, com histórias engraçadas e um pouco de mistério =D
E esses são os que eu traduzo. Quando pegar a revisão, falo dos outros!
Obrigada por me aturarem. xD

1 comentário

Arquivado em Férias, mangás, Tradução